logo4.gif










Fraturas
Corpo humano.
O esqueleto humano, vulgarmente falando, é a base mecânica e de sustentação de todo o corpo. Quando um osso do esqueleto é rompido, deslocado ou trincado,causando a descontinuidade total, ou parcial deste mesmo, identificamos o que chamamos de fratura.
 
A fratura pode ser de natureza simples, ou seja, fechada, sem exposição do osso fraturado nem rompimento de pele; ou também de natureza exposta, ou seja, aberta, quando há um rompimento de pele e uma possível exposição do osso fraturado.

Os sintomas observados em um indivíduo que sofreu uma fratura, entre outros, são: dor aguda e inchaço no local da  lesão; falta de força e impossibilidade total ou parcial de movimentar o membro ou região afetada; deformação ou encurtamento do membro fraturado; edema e/ou hematoma; exposição óssea ou rompimento da pele, no caso de fratura exposta. É importante verificar o problema retirando um raio x da área fraturada! 



Raio x.O que fazer no caso de fraturas?

 

*Deixar a área da fratura exposta, ou seja, tira roupas que estejam apertando ou mesmo rasgá-las ou cortá-las;

 

*entorse possível, e depois de se informar à respeito da vítima quanto a possíveis alergias a medicamentos, ministre algum analgésico para que a sensação de dor seja diminuída;


*Imobilizar as articulações acima e abaixo do membro (antes e depois da fratura) ou  região lesionados, procurando movimentar o mínimo possível a área afetada, com talas apropriadas ou não havendo-as, pode-se improvisar com pedaços de papelão dobrados, pedaços de madeira, etc. De uma maneira ou de outra, as talas devem ser devidamente acolchoadas, com panos de maneira que não provoquem mais dor e desconforto à vítima, e amarradas de maneira firme.

* Em casos de fratura exposta deve-se realizar um curativo cobrindo-o com gaze, ou pano limpo a fim de evitar uma possível hemorragia, e diminuir o rico de infecções da área exposta, e em seguida realizar o procedimento de imobilização com talas como descrito acima;

            
*No caso de entorses (rompimento de tendões ou ligamentos) e luxações que é quando o osso sofre um movimento brusco e desloca-se do seu lugar original, o procedimento é idêntico aos demais tipos de fratura devendo-se imobilizar a região afetada no caso de luxação, e aplicar compressas com gelo na área da articulação no caso de entorses.                         
       
*Deve-se tomar algumas precauções a fim de não haver uma piora no quadro da vítima tais como: - não movimentar a articulação ou membro lesionado; -não tentar colocar possíveis fragmentos de osso expostos para dentro; -não provocar compressões sobre o local;  - não tentar recolocar o osso no lugar; - não alimentar a pessoa para o caso de uma possível cirurgia, onde se faz preciso o estado de jejum.

*Após realizados esses procedimentos, aguardar a ajuda médica previamente acionada, para que sejam adotados outros procedimentos cabíveis.
 
 
Hemorragias   <<--  Fraturas  -->> Choque Elétrico

 







Site desenvolvido por KERDNA Produção Editorial LTDA